Você está aqui

Águas Calientes

Aguas Calientes

Aguas Calientes é parada obrigatória para todos os viajantes que querem realizar o sonho de conhecer Machu Picchu. Se trata de um vilarejo com cenário encantado, às margens do rio Urubamba e cercado por montanhas. O nome oficial deste destino é Machu Picchu Pueblo, não à toa, já que está localizado a apenas 10 km do Santuário Inca. Apesar de pequeno, este vilarejo oferece opções de atrativos que vão do turismo de aventura e histórico-cultural até turismo de saúde, você imagina o motivo? Se deseja ter uma imersão cultural e descobrir por que este local é chamado de Aguas Calientes, continue lendo este guia e saiba tudo que precisa para seu roteiro!

História de Aguas Calientes

Este povoado surgiu baseado na construção da linha férrea que conecta a cidade de Cusco a Santa Ana. Basicamente, seu desenvolvimento ocorre pelo estabelecimento dos trabalhadores designados a este projeto no acampamento de “Maquinachayoq”, quando a construção da linha foi finalizada, em 1931, o vilarejo já estava formado e a população local permaneceu por lá. Entretanto, somente em 1941 o local recebeu o nome de Machu Picchu Pueblo. 

Indo aos primórdios da história da região, acredita-se que este era um território Inca devido à proximidade com elementos de relevância para as crenças deste povo, como a montanha Putucusi, o próprio Machu Picchu e o rio Vilcanota. O potencial turístico na cidade se desenvolveu conforme a fama da “descoberta” de Machu Picchu se espalhou.

Aspectos Geográficos de Aguas Calientes

Machu Picchu Pueblo está localizada na região dos Andes peruanos, como já mencionado, e está cercada por dois rios: o estrondoso rio Urubamba e o rio Aguas Calientes, que cruza a cidade. Além disso, o cenário deste povoado é complementado pelas belas cadeias de montanhas da região. Este destino possui uma proximidade com a cidade de Cusco, estando a 110 km da Cidade Imperial dos Incas, e somente a 10 km de Machu Picchu.

Como chegar em Aguas Calientes

Existem duas formas de chegar em Aguas Calientes. Para os aventureiros ou aqueles que desejam economizar, a opção é uma viagem de ônibus partindo de Cusco até Hidroelectrica, parada mais próxima da cidade, a partir de onde é necessário uma caminhada de 3 horas seguindo os trilhos da linha férrea até Aguas Calientes. Para quem deseja uma experiência mais prática, mas também incrível pelo Vale Sagrado dos Incas, há a opção de trem de Cusco para Aguas Calientes, e outras que saem das estações de trem de Ollantaytambo e Urubamba. Para saber mais detalhes, acesse nosso guia informativo.

Curiosidades

A mobilidade na cidade de Aguas Calientes é realizada totalmente a pé, não são permitidos veículos no pequeno povoado, os ônibus são utilizados para chegar a Machu Picchu.

O nome legal de Aguas Calientes é Machu Picchu Pueblo, que está muito relacionado à proximidade do povoado do Santuário Inca. Porém, a cidade ficou mais conhecida por "Aguas Calientes" devido à presença do rio que cruza o povoado e se encontra com o grande rio Urubamba.

Clima em Aguas Calientes

Aguas Calientes é marcada por duas estações bem diferentes, isto ocorre devido à sua posição geográfica nos Andes peruanos. A estação chuvosa ocorre de novembro a abril, este é considerado o período mais quente, com temperaturas que variam entre 20ºC e 8ºC. 

Já a estação seca, que vai de maio a outubro, é marcada por características opostas, é o período mais frio do ano, com temperaturas que podem chegar a -2º. Apesar da estação ser considerada “seca”, por Aguas Calientes também estar próxima da floresta Amazônica, chuvas podem ocorrer ao longo de todo o ano.

Onde se hospedar em Aguas Calientes

Confira nosso guia de hotel em Aguas Calientes, pois este destino possui opções para todos os perfis de viajantes, compreendendo categorias standard, superiores e luxuosos. Algumas de nossas recomendações são:

- Casa Andina Standard Machu Picchu

El Mapi by Inkaterra

- Belmond Sanctuary Lodge

Conheça mais sobre nossos pacotes e experiências, como o Tour Gastronômico em nosso site, e mantenha-se atualizado em nosso blog!

O que fazer em Águas Calientes

Banhos termais Aguas Calientes

Este grupo de piscinas de águas termais forma um dos principais atrativos da cidade. Estas águas, que têm temperaturas entre 38ºC e 46ºC, são conhecidas por suas propriedades curativas, geradas pela riqueza de minerais presentes em sua composição. As Fontes Termais de Aguas Calientes são utilizadas pelo público em geral, mas para ter esta experiência é necessário pagar ingresso. Este atrativo abre todos os dias, no horário das 5h às 20h.

Museu de Sitio Manuel Chávez Ballón

Conhecido também como Museu Machu Picchu, esta é uma homenagem a este grande arqueólogo que foi apaixonado pela história peruana. Visitar Machu Picchu permite conhecer partes importantes de nossos caminhos até aqui, e uma visita a este museu complementa toda a experiência, com artefatos e fotografias das grandes descobertas no Santuário Inca. É possível ir a pé ao atrativo a partir de Aguas Calientes, mas é interessante encaixar uma visita ao local antes ou após a visita a Machu Picchu.

Plaza Manco Capac

A Plaza Manco Capac é o centro da cidade. O local faz homenagem ao fundador do famoso Império Inca, que também foi o governante de Cusco, além do nome encontra-se uma estátua de Manco Capac e a placa com nome da cidade, este é o lugar certo para aquela foto turística! 

Toda a infraestrutura para os turistas se desenvolve ao redor da praça, como os principais restaurantes, bares e o próprio Mercado Artesanal está em suas proximidades. A Plaza Manco Capac brinda seus visitantes com vista para as montanhas e a presença da graciosa Iglesia Virgen del Carmen.

Mercado de Artesanato

Aqui é o lugar certo para conhecer mais aspectos de nossa cultura. Visitar o Mercado de Artesanato de Aguas Calientes significa uma oportunidade de ter contato com o povo local e entender como funciona a dinâmica da cidade voltada ao turismo. Ao passar por aqui, você encontrará inúmeras peças com os famosos tecidos peruanos, além de roupas feitas com lã de alpaca. O preço, por se tratar de uma vila turística, pode ser mais alto que em outros lugares, mas vale a pena levar um souvenir desta viagem incrível! 

Jardines de Mandor

Os Jardines de Mandor configuram uma reserva ecológica aberta ao público desde 1990. Aos pés da Montanha Huayna Picchu, busca-se sensibilizar seus visitantes para a importância da preservação da fauna e flora local. Aqui é possível encontrar inúmeras espécies de plantas e animais no Jardim Botânico, além das Cataratas do Mandor, atrativo destaque que se configura como uma cachoeira de 30 metros. Este é um atrativo pago e fica próximo a Aguas Calientes.

Montanha Putucusi

Para os aventureiros e amantes de trilhas bem preparados, a Montanha Putucusi é uma ótima opção para ter uma experiência diferenciada de Machu Picchu. Deste pico é possível observar o Santuário Inca de outro ângulo, mas para alcançar seu topo, aos 2.560 metros de altitude, é necessário ter bom condicionamento físico e o acompanhamento de um guia, já que o trajeto é considerado difícil por ser íngreme. É válido ressaltar que não é recomendado realizá-la durante o período de chuvas (novembro a abril).

Não pare por aqui, veja também algumas curiosidades de Machu Picchu e viaje preparado!

  • Machu Picchu grupo
  • Catedral Arequipa
  • Lima Peru
Machu Picchu com Lima + Lago Titicaca + Arequipa

Se você pensa que viajar para o Peru é conhecer apenas Cusco e

12 Dias / 11 Noites
A partir de: 
USD 1364,00
Saiba mais +