Você está aqui

Trilha Salkantay

Salkantay Trilha

Aos viajantes aventureiros que desejam ter uma experiência diferenciada para chegar a Machu Picchu, a Trilha Salkantay é uma opção que garante uma vivência incrível de imersão e contato com a natureza no Peru. Mais famosa, a Trilha Inca atrai mais turistas, mas a Salkantay é a escolha certa para aqueles que desejam passar por diferentes paisagens e conhecer outros aspectos, alinhados aos históricos, em seus passeios. Mas é preciso ter muito preparo e estar ciente sobre as exigências físicas necessárias para percorrer os 70km de trilha. Você está pronto para embarcar nesta aventura a 4.600 metros de altitude? Não só o destino, como o próprio caminho irão te recompensar!

Trekking na Trilha Salkantay Alternativa

A Trilha Salkantay é um dos destinos mais emocionantes e desafiadores para se chegar a Machu Picchu, o icônico sítio arqueológico nas montanhas do Peru. Embora menos conhecida do que a famosa Trilha Inca, a Trilha Salkantay oferece uma experiência igualmente inesquecível, repleta de beleza natural e cultura ancestral. 

Neste artigo, vamos explorar a história por trás dessa trilha e descobrir como fazer essa emocionante jornada.

História:

A história da Trilha Salkantay remonta aos tempos antigos dos incas. Durante o império incaico, esta rota era usada como uma via de comunicação e comércio entre diferentes regiões do império. Ela também desempenhava um papel crucial nas peregrinações religiosas, pois conduzia os viajantes aos sítios sagrados das montanhas, incluindo Machu Picchu.

O nome "Salkantay" significa "Montanha Selvagem" em quechua, a língua dos incas. A montanha Salkantay, que domina a paisagem ao longo da trilha, era considerada sagrada pelos incas e desempenhava um papel importante em suas crenças espirituais.

Hoje em dia, a Trilha Salkantay é uma das rotas de trekking mais populares do Peru e atrai aventureiros de todo o mundo que desejam experimentar a majestade das montanhas, a beleza da natureza e a rica herança cultural do país.

A exuberância da natureza da região muitas vezes te deixará sem palavras. Você passará pelas paisagens montanhosas mais sublimes e ainda irá se aventurar na floresta nublada, na floresta tropical e, então, irá mergulhar na selva densa antes de chegar ao cenário de conto-de-fadas da cidade de Machu Picchu para um merecido descanso.

Esta trilha não é para iniciantes, já que te leva por altitudes que ultrapassam os 4.600 metros acima do nível do mar. A maioria das trilhas se iniciam na cidade de  Soraypampa, o último local acessível por veículos, a partir deste ponto , a jornada passa a ser feita a pé até chegarmos  à imponente  Lagoa Humantay, localizada a 4.200 metros acima do nível do mar.

Clima:

O clima desempenha um papel crucial na experiência da Trilha Salkantay, e é importante estar preparado para as condições variáveis que você encontrará ao longo do caminho.

A Trilha Salkantay atravessa diferentes ecossistemas, desde as florestas tropicais úmidas até as terras altas glaciares. Portanto, o clima pode variar notavelmente, mesmo durante uma única caminhada. Aqui estão algumas dicas sobre o clima ao longo da trilha:

  • Primeiro Dia: O primeiro dia da trilha geralmente começa em Santa Teresa, uma pequena cidade conhecida por suas fontes termais. O clima aqui é tropical e quente durante o dia, mas pode esfriar à noite. Certifique-se de aproveitar um delicioso café da manhã antes de começar sua jornada.
     
  • Segundo Dia: O segundo dia da Trilha Salkantay envolve subidas desafiadoras à medida que você ganha altitude. O clima começa a ficar mais frio à medida que você se aproxima das terras altas. É importante estar bem preparado fisicamente para enfrentar as subidas íngremes.
     
  • Terceiro Dia: Neste dia, você caminhará por várias horas, desfrutando da beleza natural da região. Esteja preparado para enfrentar algumas horas de caminhada, mas a paisagem deslumbrante ao redor compensará o esforço.
     
  • Quarto Dia: No quarto dia, você finalmente chegará a Águas Calientes, a cidade base para visitar Machu Picchu. O clima aqui é tipicamente mais quente, pois está localizada em uma área mais baixa. É um ótimo momento para relaxar e se preparar para a emocionante visita a Machu Picchu no dia seguinte.

A Trilha Salkantay passa pelos Andes peruanos imponentes e pela floresta alta, o que significa que esta região é marcada pelas seguintes características em duas estações:

  • Estação chuvosa: Tem início em dezembro terminando em abril, estes são considerados os meses mais chuvosos do ano. Fortes tempestades de chuva são esperadas na região e as temperaturas variam entre 15ºC e 5ºC.
     
  • Estação seca: É considerado o período mais frio do ano e ocorre entre maio e outubro. As temperaturas podem ir abaixo de 0ºC durante a noite, mas ficam bem quentes durante o dia, alcançando os 18ºC quando se está sob a luz direta do sol. 

Se você realizar a Trilha Salkantay até Machu Picchu durante a estação chuvosa ou de seca, você terá uma experiência autêntica. Tenha em mente que durante a estação chuvosa, a trilha fica enlameada e bastante úmida. 

Entretanto, o clima na floresta alta tende a mudar drasticamente e, às vezes, pode chover em alguns momentos ao longo do ano. As temperaturas ficam bem mais quentes ao descer para Aguas Calientes. Para saber mais sobre o clima no Peru, leia nosso guia informativo! 

Como fazer a Trilha Salkantay?

Agora que você conheceu um pouco da história e do clima da Trilha Salkantay, vamos discutir como fazer esta aventura épica. Aqui estão os passos essenciais para planejar sua jornada:

1.- Escolha a Época Certa: A primeira coisa a considerar ao planejar a Trilha Salkantay é a época do ano. A melhor época para fazer a trilha é durante a estação seca, que vai de maio a setembro. Durante esses meses, o clima é mais estável, com menos chuvas e temperaturas mais amenas.

2.- Reserve com Antecedência: A Trilha Salkantay é muito popular, e as vagas costumam se esgotar rapidamente, especialmente durante a alta temporada. Portanto, é aconselhável fazer a reserva com antecedência, de preferência alguns meses antes da data planejada.

3.- Esteja Preparado Fisicamente: A Trilha Salkantay é desafiadora, com longas caminhadas e elevações significativas. É essencial estar em boa forma física antes de iniciar a trilha. Faça exercícios de preparo físico e caminhadas regulares para se preparar.

4.- Contrate um Guia ou Faça uma Excursão: Embora seja possível fazer a Trilha Salkantay por conta própria, é altamente recomendável contratar um guia ou fazer uma excursão organizada. Os guias locais conhecem bem a região, fornecem informações culturais e históricas, e garantem sua segurança ao longo do caminho.

O que levar para a Trilha Salkantay?

A preparação adequada é fundamental para uma caminhada bem-sucedida na Trilha Salkantay. Aqui estão alguns itens essenciais que você deve levar:

  • Mochila: Uma mochila confortável e resistente para carregar seus pertences.
  • Roupas Adequadas: Vista-se em camadas para se adaptar às mudanças de temperatura. Inclua roupas impermeáveis para proteger-se da chuva.
  • Calçados Resistentes: Use botas de trekking confortáveis e adequadas para terrenos variados.
  • Saco de Dormir: Um saco de dormir quente é essencial para as noites frias nas montanhas.
  • Itens de Higiene Pessoal: Leve itens básicos de higiene, como escova de dentes, papel higiênico e sabonete biodegradável.
  • Lanterna: Uma lanterna ou farol de cabeça é útil para a iluminação noturna.
  • Protetor Solar e Repelente: Proteja-se do sol e dos insetos.
  • Documentos e Dinheiro: Leve seus documentos de viagem, dinheiro e cartões em uma bolsa à prova d'água.
  • Água e Lanches: Mantenha-se hidratado e tenha lanches energéticos à mão.

Estes são alguns dos itens que você deve levar com você a todo custo em sua aventura pela Trilha Salkantay. Entretanto, você pode achar alguns destes em lojas em Cusco ou até mesmo alugá-los, para não trazer peso extra de sua casa.

Onde fica a Trilha Salkantay?

A base de partida para a Trilha Salkantay ocorre a partir do povoado de Mollepata, trajeto que leva cerca de 2h30 saindo de Cusco, cidade esta que é o ponto inicial da maior parte dos tours para esta trilha. 

É importante selecionar bem a agência que realizará o serviço do tour, pois toda a assistência ao longo do caminho é o que o torna mais leve para realizá-lo, já que o trajeto tem extensão de 70 km e leva até 5 dias, passando pelos seguintes trechos:

  • Dia 1 : Cusco x Soraypampa.
  • Dia 2 : Soraypampa x Chaullay.
  • Dia 3 : Chaullay x Santa Teresa.
  • Dia 4 : Santa Teresa x Aguas Calientes.
  • Dia 5 : Aguas Calientes x Machu Picchu.

Mal de Altitude: (Como prevenir e lidar com isso)

Devido à alta elevação desta trilha, alguns viajantes podem sentir desconfortos causados pelo Mal de Altitude, como enjoos, dores de cabeça, tontura, falta de ar e cansaço. Por isso, destacamos a importância de estar fisicamente preparado e aclimatado antes de se comprometer com esta atividade.

Esta situação pode acometer pessoas que não estão acostumadas com altitude e viajam para lugares que ultrapassam os 2.500 metros de elevação. Todas as excursões começam a partir da cidade de Cusco, que está situada a 3.399 metros acima do nível do mar, e estes sintomas podem atingir indivíduos que chegam a Cusco de avião vindos de destinos de baixa altitude.

Pensando nisso, resolvemos criar uma lista de dicas e recomendações para que você se previna e saiba lidar com isso, caso seja acometido pelos sintomas mencionados:

  • Mantenha-se hidratado: Água é o melhor aliado para lutar e prevenir esta condição.
  • Evite álcool e fumar a todo custo: Álcool desidrata, e fumar pode piorar ou encurtar a respiração. 
  • Coma alimentos leves, mais calóricos: Altas altitudes aumentam a necessidade de combustível, pois você fica desidratado e queima carboidratos mais rápido. 
  • Beba o chá ou mastigue folhas de Coca: Esta é uma planta medicinal dos Andes, conhecida por ajudar a aliviar qualquer sintoma causado pela altitude e melhorar a aclimatização.
  • Vá com calma: Não se comprometa com uma atividade fisicamente exigente nos primeiros 2-3 dias após a chegada. E quando estiver caminhando, não se esqueça que a calma é essencial para a contemplação!

Lembre-se que  como uma medida de prevenção, você pode comprar alguns remédios, como Diamox ou “Soroche” em qualquer farmácia em Cusco, entretanto, recomendamos fortemente que você consulte um médico antes de usá-los.

Onde reservar a Trilha Salkantay?

Se você está disposto a viver esta aventura, saiba que é necessário saber de algumas coisas antes de se aventurar na selva peruana. Por isso, aqui estamos para te ajudar a organizar sua viagem.

Enquanto você está procurando pelo melhor operador de tours para te levar pela Trilha Salkantay, você cruzará por diferentes empresas, muitas destas com preços baixos e acessíveis e algumas outras com faixas de preços que irão deixar alguns assustados.

Entretanto, queremos ser totalmente honestos com você, nem sempre a opção mais barata é a melhor. Lembre-se que você receberá o serviço pelo qual pagou, nada mais e nada menos. Além disso, ter uma sensação de segurança deve ser o objetivo principal aqui, tenha em mente que a trilha ultrapassa os 4.600 metros de altitude pelas localizações mais remotas.

Pensando nisso, recomendamos que você faça uma ótima pesquisa para encontrar a empresa certa, que oferece credibilidade e conforto. E sabemos que pesquisar por operadores pode ser um tanto quanto tedioso, mas você não precisa fazer isso sozinho, pois contratando uma agência de turismo local você pode ter toda esta tensão aliviada!

Além disso, uma agência de viagens estará disponível a qualquer momento para esclarecer qualquer questão que você tenha e, principalmente, para te assistir 24h por dia. Para mais informações, entre em contato conosco!

Perguntas Frequentes

Aqui estão algumas perguntas frequentes sobre a Trilha Salkantay:

1. Qual é a duração da Trilha Salkantay até Machu Picchu?

A Trilha Salkantay geralmente leva 4 dias e 3 noites para ser concluída.

2. É necessário um seguro de viagem para a Trilha Salkantay?

Embora não seja obrigatório, é altamente recomendável ter um seguro de viagem que cubra atividades de aventura e trekking.

3. Qual é a melhor época para fazer a Trilha Salkantay?

A melhor época é durante a estação seca, de maio a setembro, para evitar as chuvas.

4. É possível fazer a Trilha Salkantay por conta própria?

Sim, é possível, mas a contratação de um guia é recomendada para uma experiência mais segura e enriquecedora.

5. Posso visitar Machu Picchu após a Trilha Salkantay?

Sim, a Trilha Salkantay termina em Águas Calientes, a cidade base para visitar Machu Picchu. Você pode comprar ingressos para Machu Picchu e visitar o sítio no dia seguinte.

Gostaria de conhecer mais sobre o Peru? Aqui você encontrará todas as informações que você precisa para sua viagem. Nossa equipe de experts locais tem preparado os guias informativos mais completos sobre os destinos para você.

A Viagens Machu Picchu faz questão de providenciar tudo que você precisa para ter uma experiência autêntica em nosso país. Confira nossos pacotes e comece a planejar a viagem da sua vida!

O que espera por Você na Trilha Salkantay?

Quando pensamos em aventuras emocionantes e paisagens impressionantes, a Trilha Salkantay, no Peru, é uma das melhores opções que você pode escolher. Esta trilha de renome mundial oferece uma jornada épica que o levará através de montanhas majestosas, vales profundos e florestas verdejantes. 

Neste artigo, vamos explorar o que você pode esperar ao embarcar na Trilha Salkantay, desde a deslumbrante Laguna Humantay até as incríveis águas termais de Cocalmayo. Além disso, vamos dialogar sobre o emocionante destino final desta jornada: Machu Picchu. Então, prepare-se para uma aventura única enquanto revelamos os segredos da Trilha Salkantay.

Laguna Humantay: 

A Lagoa Humantay é o ponto de partida perfeito para a sua jornada pela Trilha Salkantay. Localizada a uma altitude de 4.200 metros acima do nível do mar, Esta lagoa é um espetáculo natural magnífico que vai valer a pena o esforço da subida Com suas águas cristalinas cercadas por montanhas cobertas de neve, a Laguna Humantay é uma visão inesquecível.

Além disso, a Lagoa Humantay tem uma história rica e culturalmente significativa para os habitantes locais. É considerada uma das lagoas mais sagradas da região de Cusco, no Peru. Para os peruanos, as lagoas de alta montanha são vistas como deidades e têm um papel importante em suas tradições espirituais.

Durante o Império Inca, a Lagoa Humantay era considerada um local sagrado, e oferendas eram feitas em sua honra. Essa tradição ainda persiste hoje em dia, com muitos visitantes deixando pequenas oferendas, como folhas de coca, em agradecimento à natureza.

O que você precisa saber sobre a Laguna Humantay:

  • A melhor época para visitar é durante o dia, quando a beleza da lagoa está em seu auge.
  • Certifique-se de fazer a reserva com antecedência, pois o acesso pode ser limitado em certas épocas do ano.
  • Durante a trilha, é crucial aclimatar à altitude para evitar problemas de saúde.

Montanha Salkantay: 

A Montanha Salkantay é o próximo desafio que você enfrentará na trilha. Com uma altitude impressionante de 6.271 metros, esta montanha é coberta de neve durante todo o ano e oferece uma caminhada verdadeiramente desafiadora. No entanto, a recompensa é imensa, já que você será presenteado com vistas panorâmicas impressionantes do Vale Sagrado dos Incas.

O nome "Salkantay" significa "Montanha Selvagem" em quechua, a língua dos incas. A Montanha Salkantay, que domina a paisagem ao longo da trilha, era considerada sagrada pelos incas e desempenhava um papel importante em suas crenças espirituais.

Na época dos Incas, esta grande montanha coberta de neve era considerada um protetor espiritual divino chamado “Apu” em língua quéchua que significa sagrado. Ele protegia as pessoas que viviam na região do Nevado Salkantay e também a natureza. Essa crença na montanha como “sagrada ou importante” persiste até os dias de hoje pelos povoadores da região.

Esta famosa montanha nevada de Salkantay está localizada dentro da cadeia de montanha Vilcabamba na região dos andes peruanos, a 6.264 metros acima do nível do mar, fazendo deste maravilha um dos picos mais altos do Peru. 

O que você precisa saber sobre Montanha Salkantay:

  • A trilha Salkantay é uma caminhada de dois dias, o que permite que você aproveite a experiência única.
  • Durante a trilha, você terá a oportunidade de explorar paisagens variadas, desde florestas tropicais até terras altas cobertas de neve.
  • Certifique-se de estar bem preparado para as condições climáticas, pois o tempo pode ser quente e úmido durante o dia e frio à noite.

Fontes Termais de Cocalmayo: 

Após a jornada desafiadora pela Montanha Salkantay, é hora de relaxar e recarregar as energias nas Fontes Termais de Cocalmayo. Localizadas nas proximidades da cidade de Santa Teresa, essas águas termais são conhecidas por seus benefícios terapêuticos e paisagens deslumbrantes.

As Fontes Termais de Cocalmayo configuram uma ótima opção para os viajantes que desejam descansar ou se recuperar, ao menos um pouco, da energia e do desgaste físico ocorrido ao longo do trajeto até este atrativo. As águas termais, que alcançam temperaturas entre 30ºC e 44ºC, possuem propriedades que auxiliam no processo de cura de músculos doloridos e até mesmo de algumas doenças reumáticas, as quais ajudam a aliviar sintomas. 

O que você precisa saber sobre as Fontes Termais de Cocalmayo:

  • As águas termais são uma parada perfeita para relaxar os músculos após dias de caminhada.
  • O ambiente natural das fontes torna a experiência ainda mais memorável.
  • Certifique-se de incluir esta parada em seu itinerário para uma experiência completa na Trilha Salkantay.

Aguas Calientes: 

A cidade de Aguas Calientes é o ponto de partida final antes de chegar a Machu Picchu. Esta cidade pitoresca é cercada por uma paisagem exuberante e é o lugar perfeito para descansar antes de explorar a antiga cidade inca.

A pequena cidade de Águas Calientes, também conhecida como Machu Picchu Pueblo, é ponto de partida para todos aqueles que desejam conhecer Machu Picchu. Localizada a cerca de 110 quilômetros a noroeste de Cusco, no Peru, esta cidade encantadora tem uma história rica e oferece uma experiência única para os visitantes. Também esta cidade turística reúne toda a infraestrutura necessária, como hotéis, restaurantes, bares, mercado de artesanato e muito mais. 

Originalmente , a cidade era usada como um centro de manutenção da rede ferroviária que conectava Cusco a Santa Ana, em 1901. Então, eventualmente, os trabalhadores decidiram se estabelecer no local e criaram a cidade que conhecemos hoje, Após Hiram Bingham compartilhar Machu Picchu com o resto do mundo, a cidade começou a crescer em população e infraestrutura.

Durante o auge do Império Inca, Machu Picchu serviu como uma cidade sagrada e local de peregrinação. Os habitantes locais costumavam fazer peregrinações até este local sagrado, muitas vezes passando por Águas Calientes para aproveitar as águas termais. A cidade moderna que conhecemos hoje começou a se desenvolver no início do século XX, quando a ferrovia que liga Cusco a Machu Picchu foi construída, a área se tornou mais acessível.

O que você precisa saber sobre Aguas Calientes:

  • Os Jardines de Mandor oferecem uma experiência natural única, com trilhas e cachoeiras escondidas.
  • O Museu Machu Picchu é uma parada educativa que ajudará a prepará-lo para sua visita à cidade inca.

Machu Picchu: (A Jóia dos Incas)

Finalmente, chegamos ao destino final da Trilha Salkantay: Machu Picchu. Este sítio arqueológico icônico é um dos locais mais importantes da civilização inca e é considerado Patrimônio Mundial da UNESCO. Com suas ruínas bem preservadas e vistas espetaculares, Machu Picchu é verdadeiramente uma maravilha do mundo.

Machu Picchu é um sítio arqueológico antigo e protegido no Peru, localizada a uma altitude cerca de 2.430 metros acima do nível do mar no vale do rio Urubamba, com muitas plantas, animais e construções incas. Machu Picchu é muito misterioso e cheio de riqueza natural e cultural. Ela atrai 1,5 milhão de turistas por ano e é uma das atrações mais populares da América do Sul.

Hiram Bingham, historiador americano, descobriu Machu Picchu. Ele nasceu em 1875 em Honolulu, Hawaii, e era descendente de missionários. Entretanto Hiram Bingham apresentou essa maravilha ao mundo, em 1911. Respeito a Machu Picchu, a cidade perdida dos incas não se sabe como e quando é que foi abandonada. Porém segundo aos estudos, os incas deixaram esta cidadela devido à uma epidemia de varíola, mas esta hipótese segue sendo um mistério.

O que foi Machu Picchu no tempo dos incas? historiadores acreditam que era um centro cerimonial, enquanto outros acreditam que o local tenha funcionado com um estado real. No entanto, o propósito principal de Machu Picchu continua incerto até os dias de hoje. Porém os estudos mais lógicos falam que a cidadela inca foi um centro religioso, administrativo e militar, tudo isso por estar localizada em local estratégico.

O que você precisa saber sobre Machu Picchu:

  • Fazer a reserva para visitar Machu Picchu com antecedência é fundamental, pois a entrada é limitada.
  • Certifique-se de aproveitar ao máximo sua visita explorando cada canto deste local fascinante.
  • A Trilha Inca Clássica é outra opção para chegar a Machu Picchu, se você estiver buscando uma experiência diferente.

Coisas que você deve levar para Trilha Salkantay:

  • Uma mochila de tamanho médio.
  • Óculos de sol.
  • Capa de chuva.
  • Água ou algum reidratante.
  • Protetor solar.
  • Roupas apropiadas.
  • Calçado confortável. 
  • Refrigério.
  • Chapéu.
  • Medicamentos para altitude.
  • Dinheiro em espécie. 
  • Bastões de caminhada.

Perguntas Frequentes: 

1. Qual é a melhor época para fazer a Trilha Salkantay?

A melhor época para fazer a Trilha Salkantay é durante a estação seca, que vai de maio a setembro. Nesses meses, as condições climáticas são mais estáveis, e as trilhas estão em melhores condições.

2. Como faço para me aclimatar à altitude durante a trilha?

Durante a trilha, é importante subir gradualmente em altitude e evitar atividades extenuantes nos primeiros dias. Beber muita água e descansar bem também ajudam na aclimatação.

3. Como faço a reserva para Machu Picchu?

Para fazer a reserva para Machu Picchu, você pode acessar o site oficial de reservas ou procurar uma agência de viagens confiável que ofereça pacotes que incluam a entrada para o sítio.

4. Quais são os principais destaques da Trilha Salkantay?

Os principais destaques da Trilha Salkantay incluem a Laguna Humantay, a Montanha Salkantay, as Fontes Termais de Cocalmayo, Aguas Calientes, os Jardines de Mandor e o Museu Machu Picchu.

5. Qual é a distância total da Trilha Salkantay?

A Trilha Salkantay tem uma distância total de  quase 74 quilômetros, começando em Mollepata e terminando em Aguas Calientes.

Gostaria de conhecer mais sobre o Peru? Aqui você encontrará todas as informações que você precisa para sua viagem. Nossa equipe de experts locais tem preparado os guias informativos mais completos sobre os destinos para você.

A Viagens Machu Picchu faz questão de providenciar tudo que você precisa para ter uma experiência autêntica em nosso país. Confira nossos pacotes e comece a planejar a viagem da sua vida!

No momento, não existe nenhum conteúdo classificado com este termo.