Você está aqui

Ancash

O departamento de Ancash é conhecido, principalmente, pela cidade de Huaraz. Ancash é lar de inúmeras obras de arte feitas pela natureza. O destaque de suas belezas naturais é das famosas lagoas de água azul-turquesa e dos picos nevados que protagonizam os sonhos dos viajantes que vão a esta região em busca de aventuras em grandes altitudes. Ancash também é marcada pela presença da montanha mais alta do Peru, o pico de Huascarán, que atinge os 6.768 metros acima do nível do mar. Além dos belos cenários naturais, este local foi o berço da civilização Chavín, assim é possível encontrar algumas ruínas deixadas por esta cultura, como o Sítio Arqueológico Chavin de Huantar, pela região. Outra joia de Ancash é a existência de um trecho muito bem preservado, de mais de 50 km, da famosa Trilha Inca.

Ancash

Se você é um amante da natureza, história e aventura, Ancash, no Peru, é um destino que você não pode deixar de visitar. Esta região, situada na parte central do país, é rica em tesouros naturais e culturais que deixarão você maravilhado. 

Neste artigo, vamos explorar a história de Ancash, a melhor época para visitar, como chegar lá e o que fazer durante a sua estadia. Prepare-se para uma viagem emocionante!

História:

Ancash tem uma história fascinante que remonta a civilizações antigas. Esta região era habitada pelos Huari e pelos Ancash antes da chegada dos espanhóis. Durante o período colonial, Ancash foi palco de importantes batalhas e revoluções. Hoje, você pode explorar vestígios desse passado em museus e sítios arqueológicos.

A cidade de Huaraz, a capital de Ancash, desempenhou um papel fundamental na história da região. É aqui que você encontrará a Praça de Armas, cercada por edifícios coloniais impressionantes. Não deixe de visitar a Catedral de Huaraz, que data do século XVII, e o Museu Arqueológico de Ancash, que abriga artefatos incríveis.

Qual é a melhor época para visitar Ancash?

A melhor época para visitar Ancash depende do tipo de experiência que você deseja. No entanto, em geral, a estação seca, que vai de maio a setembro, é considerada a melhor época para visitar. Durante esses meses, o clima é mais estável, com céus claros e temperaturas agradáveis durante o dia.

Se você deseja explorar a Cordilheira Branca e fazer trilhas nas montanhas, os meses de junho a agosto são ideais, pois as condições são mais propícias para atividades ao ar livre. No entanto, se você está interessado na cultura local e em festivais, pode considerar visitar durante as festas tradicionais que ocorrem durante todo o ano.

Como chegar a Ancash?

Chegar a Ancash é mais fácil do que você imagina. A maneira mais comum de chegar à região é voando para o Aeroporto Internacional Comandante FAP Germán Arias Graziani, localizado em Huaraz. Este aeroporto recebe voos domésticos de cidades como Lima, Cusco e Arequipa. De lá, você pode pegar um táxi ou ônibus para chegar ao centro de Huaraz.

Outra opção é viajar de ônibus a partir de Lima, que leva cerca de  8 horas. A viagem oferece vistas deslumbrantes das paisagens peruanas, tornando-a uma experiência única por si só.

O que fazer em Ancash?

Ancash oferece uma ampla variedade de atividades para os viajantes de todos os gostos. Aqui estão algumas das principais atrações:

1. Trekking na Cordilheira Branca:

A Cordilheira Branca é um paraíso para os amantes de trekking. Com trilhas desafiadoras e paisagens maravilhosos, você pode explorar as montanhas cobertas de neve e lagos glaciares. O Parque Nacional Huascarán é o lar do pico mais alto do Peru, o Huascarán, que alcança uma altitude de 6.768 metros.

2. Visita a Chavín de Huántar:

Chavín de Huántar é um sítio arqueológico pré-incaico famoso por suas estruturas impressionantes e galerias subterrâneas. É um local declarado Patrimônio Mundial pela UNESCO e oferece uma visão fascinante da antiga civilização Chavín.

3. Relaxamento em águas termais:

A região de Ancash é rica em águas termais naturais, onde você pode relaxar e desfrutar dos benefícios terapêuticos das águas quentes. As águas termais de Monterrey e Chancos são particularmente populares.

4. Festival de Virgen de la Candelaria:

Se sua visita coincidir com fevereiro, não perca o Festival de Virgen de la Candelaria em Huaraz. Este é um dos festivais mais importantes do Peru, com danças tradicionais, música e trajes coloridos.

Conclusão:

Ancash, no Peru, é um destino maravilhoso que combina paisagens deslumbrantes, uma rica herança cultural e atividades emocionantes para os viajantes. Se você está em busca de aventura nas montanhas, exploração arqueológica ou relaxamento nas águas termais, Ancash tem tudo a oferecer. Planeje sua viagem e prepare-se para descobrir os tesouros naturais e culturais desta região fascinante. Ancash aguarda por você!

Há muitas coisas diferentes para fazer em Ancash, e certamente sabemos tudo sobre isso. No entanto, não perca a chance de conhecer nossos guias informativos completos sobre os destinos em nosso site.

Do outro lado, a Viagens Machu Picchu faz questão de providenciar tudo que você precisa para ter uma experiência autêntica no Peru. Confira nossos pacotes e comece a planejar a viagem da sua vida!

Atrativos e Pontos Turísticos de Ancash

Ancash, uma cidade acolhedora situada no norte do Peru, é um destino de viagem repleto de atrações fascinantes para os amantes da natureza, entusiastas da história e aventureiros em busca de experiências únicas. Posicionada entre os majestosos picos da Cordilheira dos Andes, Huaraz oferece um cenário impressionante de montanhas, lagos deslumbrantes e sítios arqueológicos intrigantes.

Neste artigo, exploraremos os principais atrativos que fazem de Huaraz um destino imperdível para os viajantes que desejam se conectar com a grandiosidade da natureza e a riqueza da cultura peruana. Depois, você ficará agradecido e bem preparado para começar a se aventurar. Então, vamos lá!? Continue lendo e conheça nossas dicas.

Centro Histórico de Huaraz:

O Centro Histórico da cidade de Huaraz é um ponto de partida ideal para mergulhar na cultura e história da cidade. Ruas encantadoras, praças pitorescas e edifícios coloniais oferecem um vislumbre da vida cotidiana e do passado da região. 

Ao caminhar pelas ruas de pedras, você terá a oportunidade de descobrir tudo o que Centro Histórico de Huaraz tem a Oferecer: 

  • Passeio pela Plaza de Armas.
  • Aprecie o contraste natural e urbano Mirante de Huaraz.
  • Descontraia sua mente e corpo nas termas de Monterrey.
  • Visite o Templo do Senhor da Solidão.
  • Viaje no tempo pela rua Jose Olaya.

Huaraz tem muito a oferecer e temos orgulho de te mostrar tudo que esta cidade pode te proporcionar, de atrativos históricos e culturais às atividades ao ar livre mais procuradas na região.

Museu Arqueológico de Ancash:

Para os entusiastas da história, o Museu Arqueológico de Ancash é uma parada obrigatória. Este museu abriga uma rica coleção de artefatos que datam de épocas antigas, oferecendo um vislumbre das civilizações que habitaram na região ao longo dos séculos.

Desde utensílios cotidianos até impressionantes esculturas de pedra, o museu oferece uma jornada através do tempo, revelando a diversidade cultural e a evolução da sociedade andina. Entre as peças que compõem a coleção, destacam-se diferentes objetos que foram elaborados pelas culturas Chavín, Recuay e Moche, entre outras.

Sítio Arqueológico Chavin de Huantar:

O Sítio Arqueológico Chavín de Huántar é uma joia histórica que oferece insights sobre a espiritualidade e a arquitetura da antiga cultura Chavín. As icônicas cabeças esculpidas e as estruturas complexas desse sítio são testemunhas do avançado conhecimento arquitetônico e artístico dessa civilização.

A combinação de elementos cerimoniais e simbólicos faz desse sítio um destino imperdível para quem busca entender a profunda conexão entre o homem e a natureza. Além disso, o local também é adornado com “Cabezas Clavas” ou seja, “Cabeças Pregadas” em português, que são uma série de monólitos esculpidos que retratam a cabeça de seres míticos.

As construções de Chavin de Huantar foram construidas pela cultura chavín, que se desenvolveu entre 1.500 e 300 a.c. Da mesma forma, devido à sua expressão cultural e estrutura imponente, que se mistura entre a vegetação e os cenários naturais da área, o local foi declarado Patrimônio Mundial da UNESCO em 1985.

Sítio Arqueológico Cerro Sechin:

O Sítio Arqueológico Cerro Sechín é famoso por suas estelas de pedra ricamente esculpidas, que retratam cenas de batalhas e rituais. Essas obras de arte em pedra oferecem um vislumbre da complexa mitologia e história dos povos antigos que habitaram a região. Foi descoberto em 1937 pelo pai dos arqueólogos peruanos, Julio C. Tello.

O perímetro do muro de pedra foi inteiramente decorado com imagens de sacerdotes guerreiros e suas vítimas desmembradas. No entanto, existem diferentes interpretações sobre estas figuras, já que estas permanecem um completo mistério para os especialistas.

A combinação de narrativas visuais e habilidades artísticas de alto nível tornam este sítio um lugar enigmático para explorar. O Sítio Arqueológico Cerro Sechin está localizado ao norte de Lima, no Vale Casma, a 3 horas da cidade de Huaraz. É válido mencionar que estes locais não são tão turísticos e estão localizados em localizações mais remotas.

Sítio Arqueológico de Wilcahuain:

O Sítio Arqueológico de Wilcahuain é conhecido por suas torres de pedra impressionantes e suas estruturas cerimoniais. Essas construções antigas revelam a destreza arquitetônica dos povos pré-incas que habitaram a área. A preservação dessas estruturas fornece pistas sobre a organização social, religiosa e cultural dessas civilizações antigas.

O Sitio Arqueológico de Wilcahuain é uma das atrações não turísticas em Huaraz, que tem um grande valor histórico e cultural devido a sua arquitetura e sua antiguidade. É um assentamento localizado no callejón de Huaylas, a 7km de distância da cidade de Huaraz. O sitio Arqueológico está localizado no norte de Lima, na região chamada Callejón de Huaylas, a 40 minutos

Etimologicamente, Wilcahuain vem da combinação de duas palavras quéchua: Willka, que significa “neto”, e wayi, que significa casa. Com isso, a palavra composta significaria “A Casa dos Netos” em português.

Outros Sítios Arqueológicos:

Além dos sítios mencionados, Huaraz abriga uma série de outros locais arqueológicos, cada um com suas próprias histórias e mistérios. A região é um verdadeiro tesouro para os entusiastas da arqueologia, oferecendo a oportunidade de explorar e descobrir as fascinantes raízes históricas do Peru.

Laguna Churup:

A Laguna Churup é um dos muitos lagos pitorescos que pontilham a paisagem de Huaraz. Situada a uma altitude desafiadora, a caminhada até a laguna oferece vistas espetaculares da paisagem montanhosa circundante. A água azul-turquesa contrastando com os picos nevados é uma visão inesquecível, recompensando os visitantes pelo esforço da trilha.

Sem dúvidas, esse lagoa de água turquesa é uma das atrações mais procuradas dentro do Parque Nacional de Huascarán, um Patrimônio Mundial da UNESCO. Esse lugar tem as coisas mais bonitas da natureza nas montanhas da Cordilheira Branca na região de Ancash.

A Lagoa Churup está localizada a poucos quilômetros  da cidade de Huaraz, a 45 minutos de carro da cidade Generosidade. Porém este lugar fica a uma elevação de 4.450 metros acima do nível do mar.

Laguna Paron: 

A Laguna Parón é outra jóia natural da região, cercada por picos cobertos de neve e paisagens de tirar o fôlego. A coloração vívida da água reflete o cenário deslumbrante ao seu redor, criando um cenário idílico para os amantes da fotografia e da natureza.

 A Laguna  de Paron é o maior lago do Parque Nacional Huascarán, e é certamente uma das trilhas mais fáceis que você  pode fazer durante seu período em Huaraz. É considerado a maior lagoa de água doce da Cordilheira Branca e de toda a região de Ancash, localizada a 32 quilômetros da cidade de Huaraz e tem uma altitude de 4.185 metros acima do nível do mar.

Nevado Pastoruri: 

O Nevado Pastoruri é um dos pontos mais acessíveis para experimentar a majestade dos glaciares andinos. A caminhada até o local oferece a oportunidade de testemunhar de perto a imponência de uma geleira em movimento e a beleza crua do gelo e da neve.

O pico de Nevado Pastoruri é uma das atrações naturais facilmente acessíveis do Parque Nacional de Huascarán. a uma elevação de 5.240 metros acima do nível do mar. Porém a dificuldade não está relacionada a como chegar até lá, mas sim à própria altitude, conforme  você avança na elevação, o ar se torna “mais fino” e se você não está bem aclimatado, pode sofrer com os sintomas causados pela altitude. 

Callejón de Huaylas:

O Callejón de Huaylas é um vale espetacular que oferece vistas deslumbrantes das montanhas ao redor. A paisagem cênica e variada do vale torna-o um destino popular para turistas que desejam absorver a beleza natural dos Andes. Callejón de Huaylas é um vale vibrante localizado no norte do Peru, que abriga um destino  turístico em  ascensão, o Parque Nacional Huascarán.

Como talvez você saiba, a cidade de Huaraz também é parte deste paraíso na Terra, proporcionando paisagens inimagináveis, contendo como principais protagonistas a Cordilheira Negra e a Cordilheira Branca. É, sem dúvidas, um cenário de outro mundo que você não pode perder

O que fazer em Callejón de Huaylas?

  • Recuay: Lugar de maravilhas naturais.
  • Carhuaz: É um centro turístico e agrícola.
  • Yungay:  Cidade Yungay como um museu aberto.
  • Huaraz: É o destino turístico mais procurado dentro do vale, já que é o ponto de saída da maioria dos tours e trilhas no Parque Nacional de Huascarán.

Parque Nacional Huascarán: 

O Parque Nacional Huascarán é uma área de conservação que abriga uma incrível diversidade de ecossistemas, desde florestas exuberantes até picos nevados. Este parque é o lar de uma rica fauna e flora, incluindo várias espécies ameaçadas, tornando-se um local vital para a preservação da biodiversidade.

Principais Atrativos:

  • Laguna 69
  • Lagos Llaganuco
  • Chavin de Huantar
  • Nevado Pastoruri
  • Laguna Paron
  • Callejón de Huaylas

Laguna 69:

A Laguna 69 é uma jóia escondida que requer uma caminhada desafiadora, mas recompensadora, para ser alcançada. A recompensa é um cenário de tirar o fôlego, com uma lagoa azul-turquesa cercada por montanhas imponentes - um verdadeiro paraíso para os amantes da natureza e está localizado a 4.600 metros acima do nível do Mar,

A caminhada tem uma distância de 6km aproximadamente, e irá levar cerca de 3 ou 4 horas até chegar ao topo. Ela possui um nível de dificuldade médio, mas alguns viajantes precisam se esforçar mais que outros para realizar a trilha. Mas lembre-se que você pode realizá-la em seu próprio ritmo, e quando chegar ao topo e finalmente ver a lagoa, você sentirá que todo o trabalho até ali valeu a pena.

Lago Llanganuco:

O vale Llanganuco é flanqueado por um grupo de formações montanhosas, como as montanhas Huascaran, Huandoy, Pisco, Chacraraju, Yanapaccha e Chopicalqui, que possuem elevação entre 5.700 e 6.300 metros acima do nível do mar.

O Laguna Llanganuco é uma parada perfeita para quem busca tranquilidade e serenidade. Rodeado por montanhas cobertas de neve, o lago oferece um refúgio pacífico para contemplação e relaxamento.

Segue o nosso blogs de tours em Huaraz!

Se você se interessou por este atrativo e quer saber mais sobre Huaraz, entre em contato com nossos agentes de viagem, que te ajudarão a organizar sua viagem de acordo com seus interesses.

A Viagens Machu Picchu faz questão de providenciar tudo que você precisa para ter uma experiência autêntica em nosso país. Conheça nossas ofertas especiais na aba Pacotes e comece a planejar a viagem da sua vida!

  • Machu Picchu Pacotes
  • Huaraz
Peru a sua medida + Huaraz

Você já ouviu falar da “Suíça Peruana”?

15 Dias / 14 Noites
A partir de: 
USD 2331,00
Saiba mais +
  • Majestic nos Andes peruanos!
  • Montanha Colorida
Aventura nos Andes Peruanos

Você é daqueles viajantes que gosta de se aventurar

11 Dias / 10 Noites
A partir de: 
USD 1476,00
Saiba mais +